Abrente

Ediçons digitais da publicaçom trimestral do nosso partido

Documentaçom

Textos e outros documentos políticos e informativos de interesse

Ligaçons

Sites recomendados de ámbito nacional e internacional

Opiniom

Artigos assinados sobre temas de actualidade galega e internacional

Video

Documentos audiovisuais disponíveis no nosso portal

Home » Notícias

Seis organizaçons e partidos assinam Declaraçom Internacional “Pola reconstruçom do movimento revolucionário socialista/comunista”

Terça-feira, 13 Agosto 2019

Declaraçom Internacional

Pola reconstruçom do movimento revolucionário socialista/comunista

A crise estrutural do capitalismo senil confirma os prognósticos de Marx e Engels sobre a sua incapacidade para resolver os problemas da humanidade.

A fase imperialista do capitalismo só provoca miséria e fame, desemprego, baixos salários e precariedade laboral, conflitos étnicos e guerras de saqueio, e está conduzindo ao Planeta a umha crise ecológica de incalculáveis consequências que pom em perigo a nossa espécie.

Frente a este cenário, as políticas de reformas derivadas de maiorias artitméticas parlamentares “progressistas”, tenhem-se constatado incapaces de solucionar os desafios em curso, para frear as agressons que padece a classe operária e o conjunto do povo trabalhador.

As estratégias eleitoralistas que caraterizam o agir dos reformismos, nom contribuem para elevar o nível de consciência das massas, a movimentar e a luitar de forma organizada e unitária contra a exploraçom e as dominaçons e opressons que padecemos polo modo de produçom capitalista.

É necessário reorganizar as ferramentas de luita e combate que historicamente empregou a classe operária e o conjunto do povo trabalhador e empobrecido, com as quais logrou as conquistas e direitos que o capitalismo tem ido desmantelando progressivamente nas últimas décadas, e com as que atingiu vitoriosas revoluçons de caráter anti-imperialista e socialista ao longo de todo o século XX.

No 100 aniversário da fundaçom da III Internacional, as organizaçons, partidos e forças políticas, assim como as pessoas abaixo assinadas manifestamos:

  • A necessidade de restaurar os fundamentos teórico-práticos do marxismo, libertá-lo das suas leituras esterilizadas e inofensivas, recuperar mediante umha coerente praxe o seu caráter subversivo.
  • Estudar a fundo a imensa obra teórica de Marx, Engels, Lenine e o Che, assim como todas aquelas achegas que empregando o materialismo histórico e a dialética materialista, tenhem contribuído para a emancipaçom de classe, nacional e de género. A formaçom política e ideológica é a peça chave para reconstruir o movimento revolucionário socialista/comunista.
  • Aprofundar na coordenaçom tática e estratégica das nossas organizaçons mediante a criaçom de umha revista teórica e a convocatória de umha Conferência Internacional periódica.
  • Sentar as bases que permitam promover umha nova Internacional Proletária, que aglutine o maior número de organizaçons, forças e partidos, cujo objetivo seja organizar a Revoluçom Socialista/Comunista nas suas específicas formaçons sociais, como parte indivisível da Revoluçom Socialista/Comunista mundial.

Compostela, Galiza, 24 de julho de 2019

  • Agora Galiza-Unidade Popular [Galiza]
  • Herritar Batasuna [País Basco]
  • Nación Andaluza [Andaluzia]
  • Plataforma Laboral e Popular [Portugal]
  • Néstor Kohan, Cátedra Che Guevara [Argentina]
  • Narciso Isa Conde, Coordenador do Movimento Caamañista [República Dominicana]