Abrente

Ediçons digitais da publicaçom trimestral do nosso partido

Documentaçom

Textos e outros documentos políticos e informativos de interesse

Ligaçons

Sites recomendados de ámbito nacional e internacional

Opiniom

Artigos assinados sobre temas de actualidade galega e internacional

Video

Documentos audiovisuais disponíveis no nosso portal

Home » Internacional, Nacional, Notícias

Para a repressom nom há austeridade: incremento de 1.780% em material policial de choque

Segunda-feira, 5 Novembro 2012

Num contexto de crise sistémica como o que sofremos, o governo espanhol optou por aplicar um antissocial programa de cortes e reformas que se traduzírom num grave pioramento das condiçons de vida da classe trabalhadora. Em nome da austeridade, o governo reduziu drasticamente as verbas destinadas à sanidade pública, à educaçom ou, entre outras, ao fomento do emprego, tal e como ficou de manifesto com a aprovaçom dos Orçamentos Gerais do Estado para o ano 2013.

Mas, nos Orçamentos, nom todas as áreas sofrêrom cortes. De facto, existem algumhas que tivérom espetaculares incrementos de liquidez. É o caso do material policial de choque para aquelas unidades dedicadas à repressom de mobilizaçons populares. O gasto neste capítulo incrementou-se em 1.780%, segundo recolhem os Orçamentos apresentados polo governo.

A anunciada reduçom de 6,3% das verbas destinadas ao Ministério do Interior derivárom-se principalmente do capítulo dedicado à chamada “segurança cidadá”, enquanto noutras epígrafes, como a dos investimentos em “material antidisturbio e equipamentos específicos de proteçom e defesa”, o gasto se multiplicará 18,8 veces no próximo ano, passando dos 173.670 euros para os 3,26 milhons de euros.