Abrente

Ediçons digitais da publicaçom trimestral do nosso partido

Documentaçom

Textos e outros documentos políticos e informativos de interesse

Ligaçons

Sites recomendados de ámbito nacional e internacional

Opiniom

Artigos assinados sobre temas de actualidade galega e internacional

Video

Documentos audiovisuais disponíveis no nosso portal

Home » Internacional, Notícias

Colômbia continua à cabeça em assassinatos de sindicalistas

Segunda-feira, 18 Junho 2012

Mais da terceira parte de sindicalistas assassinados no mundo durante o ano 2011 eram colombianos. Eis a principal e demolidora conclusom do informe apresentado pola Confederaçom Sindical Internacional em Bruselas. O informe reporta um total de 29 execuçons de sindicalistas por parte da oligarquia colombiana, seguida pola Guatemala, onde fôrom registados 10 casos.

O informe da CSI incide na denúncia do Programa de Naçons para o Desenvolvimento que en um estudo intitulado “Reconhecer o passado, construir o futuro” denunciou os mais de 2.800 assassinatos de dirigentes e filiados de sindicatos na Colômbia entre os anos 1984 e 2011, ademais de 216 desapariçons ainda sem resolver.

Com Uribe ou com Santos à frente do governo, a Colômbia continua a ser o lugar mais perigoso do planeta para participar nas organizaçons obreiras e populares. Quer através das organizaçons paramilitares ou do próprio exército e polícias colombiana, a oligarquia continua emprenhada em destruir o movimento popular.