Abrente

Ediçons digitais da publicaçom trimestral do nosso partido

Documentaçom

Textos e outros documentos políticos e informativos de interesse

Ligaçons

Sites recomendados de ámbito nacional e internacional

Opiniom

Artigos assinados sobre temas de actualidade galega e internacional

Video

Documentos audiovisuais disponíveis no nosso portal

Home » Opiniom

Basta de enganos

Segunda-feira, 19 Dezembro 2011

Telmo Varela

A crise por que está a passar o setor naval há que enquadrá-la no seio da crise crónica e geral que está a padecer o sistema capitalista.

Dizer aos trabalhadores e trabalhadoras e querer convencê-los de que todos os seus problemas e males som conseqüência das bonificaçons do “tax lease” é tomar-lhes o pelo, enganá-los e tomá-los por parvos.

Todos os profissionais do sindicalismo (liberados e todos aqueles que vivem dos seus respetivos sindicatos) insistem teimosamente em que o problema é o “tax lease”, e nengum deles mencionam nem umha só vez que o verdadeiro problema é o sistema capitalista.

Nom vos parece estranha e suspeita esta atitude?

Nas numerosas declaraçons, nengum dirigente sindical exclamou: já dobramos bastante o lombo! Já trabalhamos bastante para os ricachons, sem sairmos da miséria! Basta de enganos! Basta de tolerar que nos explorem e nos roubem! Nengum deles menciona que queremos umha sociedade nova e melhor organizada, sem tanta exploraçom. E, nesta sociedade nova, é melhor que nom haja ricos nem pobres, todos deverám trabalhar.

Nom serám uns quantos ricachons, e sim todos os trabalhadores e trabalhadoras, os que deverám gozar dos frutos do trabalho comum. De nada disto nos falam.

Basta de meias tintas e enganos! Som horas de sairmos à rua e luitarmos com todas as forças e despregar faixas com palavras de ordem como estas: “Defendamos o Naval com mobilizaçons e luita!” “Viva a luita obreira!”, “Viva o Socialismo!”.

Se animamos a obreiras e obreiros a luitar, os obreiros nom nos rendemos, sabemos que a nossa causa é justa e luitaremos até as derradeiras conseqüências. Adiante, pois, luitemos pola nossa liberdade e a felicidade de todos os trabalhadores, luitemos polo nosso futuro. Só nós podemos fazê-lo, de nós depende.

A construçom, a automoçom, a sanidade e o ensino público nunca tivérom bonificaçons de “tax lease” e também estám em crise. Fica claro, pois, que o “tax lease” é a panaceia que utilizam os sindicatos maioritários para esmagar-nos, confundir-nos e enganar-nos. E para dar-nos esperanças de que, se os governantes aprovam algo parecido, haverá contratos.

Inventam o que seja para nom fazer um apelo claro e com todas as conseqüências à luita. Temem mais a luita na rua que um burro umha vara verde.

A situaçom é tremendamente crítica e cada dia que passa é pior. Nom podemos perder mais tempo, devemos luitar como sempre figemos. O naval sempre mostrou que sabe defender os seus direitos. Desde o ano 72, o naval foi a ponta de lança e o exemplo a seguir para toda a classe obreira galega. Nom o defraudemos!

Telmo Varela

Prisom de Topas, Salamanca, 10 de dezembro de 2011