Abrente

Ediçons digitais da publicaçom trimestral do nosso partido

Documentaçom

Textos e outros documentos políticos e informativos de interesse

Ligaçons

Sites recomendados de ámbito nacional e internacional

Opiniom

Artigos assinados sobre temas de actualidade galega e internacional

Video

Documentos audiovisuais disponíveis no nosso portal

Home » Internacional, Notícias

Passos Coelho anuncia primeiras privatizaçons e greve geral paralisa Grécia de novo

Sexta-feira, 17 Junho 2011

Após a vitória eleitoral do PDS nas passadas eleiçons, o novo Primeiro-ministro Passos Coelho já adiantou a sua vontade de iniciar as privatizaçons exigidas polo FMI e o Conselho de Europa.

Em declaraçons ao Financial Times, declarou a necessidade de aplicar um rigoroso programa de austeridade e ajustamento, mostrando-se disposto a iniciar a privatizaçom da RTP e a companhia de Águas de Portugal.

Som estas as medidas, similares às que aplica o PSOE no Estado espanhol, com as que pretendem incentivar o crescimento económico e a saída da crise para recuperar os níveis de benefício da patronal e a burguesia fincniera à vez que degrada, mais se cabe, o nível de vida classe obreira portuguesa.

Nova greve geral na Grécia contra plano de austeridade

O novo pacote de medidas exigidas polo grande capital e aplicadas polo governo grego motivarom umha nova jornada de greve geral que volveu paralisar o país por terceira vez no que vai de ano. O governo de Papandreu pretende aplicar um novo plano de recortes por um valor de 28 mil milhons de euros para aceder a um novo pacote de “ajudas” externas, em forma de empréstimo, de 110 mil milhons de euros.

A classe obreira grega logrou paralisar de novo Grécia demonstrando a sua capacidade e oposiçom às medidas de ajuste que exigirám privatizaçons e maiores recortes do gasto social. Os sindicatos lograrom paralisar a circulaçom de barcos e comboios, assim como os meios de comunicaçom, a banca e as empresas ameaçadas de privatizaçom. Igual que o seguimento da greve as mobilizaçons forom imponhentes, registrando-se duros enfrentamentos entre @s obreir@s e as forças de choque da polícia grega.